sábado, 2 março, 2024
EnglishPortugueseSpanish
spot_img
InícioESGVallourec firma acordo com Eneva para geração de energia renovável no Complexo...

Vallourec firma acordo com Eneva para geração de energia renovável no Complexo Solar Futura I

- Publicidade -Google search engine

A Vallourec, comprometida com as práticas ESG (Ambiental, Social e Governança), estabeleceu um contrato de geração de energia renovável em parceria com a Eneva, a maior operadora privada de gás natural em terra do Brasil e uma empresa integrada de energia.

O objetivo é adquirir uma participação societária no Complexo Solar Futura I, situado em Juazeiro, Bahia. O contrato terá a duração de 12 anos, abrangendo o período de setembro de 2023 a dezembro de 2035.

Neste período, a Vallourec gerará e utilizará uma parte significativa de sua demanda de energia, equivalente a 29 megawatts médios (MWm), representando cerca de 25% do consumo total de energia das empresas Vallourec no Brasil.

A transação foi aprovada sem restrições pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

A Vallourec disse que tem priorizado investimentos em tecnologias e processos voltados para fontes alternativas de energia ao longo de décadas, como parte de seus esforços para descarbonizar suas operações e alcançar resultados sustentáveis em toda a cadeia de produção.

Rodrigo Rennó, diretor de Vendas da Vallourec América do Sul, enfatizou a importância dessa parceria e como ela se alinha com a estratégia global do Grupo de reduzir as emissões de gases de efeito estufa.

A parceria entre as duas empresas reflete uma tendência crescente no mercado brasileiro de energia livre, com foco em soluções que promovem a agenda ESG e apoiam iniciativas de descarbonização.

Marcelo Cruz Lopes, diretor de Marketing, Comercialização e Novos Negócios da Eneva, ressaltou o compromisso da Eneva em fornecer soluções competitivas que apoiem a descarbonização e a transição energética dos clientes e parceiros.

O Complexo Solar Futura I, que entrou em operação este ano e recebeu investimentos de R$ 2,9 bilhões, tem potencial para expansão com os parques Futura II e Futura III, que poderiam adicionar 2,3 GW de capacidade instalada ao complexo.

- Publicidade -spot_img
NOTÍCIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

MAIS VISTOS

- Publicidade -