Publicidadespot_img
InícioESGO impacto das mudanças climáticas na mineração

O impacto das mudanças climáticas na mineração

As mudanças climáticas em andamento já estão e vão cada vez mais impactar a vida das pessoas e diversos setores da indústria. E a mineração será um dos segmentos afetados.

De acordo com um relatório recente do Painel Intergovernamental sobre as Mudanças Climáticas (IPCC) – programa idealizado pela ONU e pela Organização Meteorológica Mundial (OMM) – mesmo os dados mais otimistas mostram um aumento da temperatura do planeta, devido aos gases que já estão suspensos na atmosfera e que contribuem para o aquecimento global. 

As análises do IPCC indicam como consequências desse aquecimento o aumento do nível do mar, a diminuição da disponibilidade de água doce, aumento de eventos extremos, como tempestades e secas, a acidificação dos oceanos e perturbação dos ecossistemas.

O setor de mineração, assim como os demais, precisa estar atento aos cenários de riscos projetados pelo IPCC para garantir a sustentabilidade a longo prazo. Isso inclui, por exemplo, a avaliação da segurança de estruturas de mineração, a viabilidade de minas em áreas sujeitas a riscos climáticos, como inundações, secas e tempestades intensas.

Eventos climáticos extremos já afetam e podem afetar ainda mais a produção e o transporte de minerais. Além disso, a alteração do clima em regiões de mineração pode afetar a disponibilidade de água e a estabilidade do solo.

A fim de mitigar esses possíveis impactos, as empresas de mineração precisam adotar práticas mais sustentáveis e investir em tecnologias verdes e fontes de energias renováveis.

Também é importante que as mineradoras trabalhem em parceria com as comunidades locais e outras partes interessadas visando atender às expectativas quanto à responsabilidade social e ambiental.

- Publicidade -
NOTÍCIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

MAIS VISTOS

- Publicidade -