sexta-feira, 1 março, 2024
EnglishPortugueseSpanish
spot_img
InícioEconomiaNegóciosTeck Resources rejeita oferta da Glencore

Teck Resources rejeita oferta da Glencore

- Publicidade -Google search engine

Na última quinta-feira, a Teck Resources, mineradora de cobre, anunciou a rejeição de uma oferta da Glencore, gigante suíça da mineração. A proposta oferecia aos acionistas da Teck 24% do grupo combinado de metais e até US$ 8,2 bilhões em dinheiro para aqueles que não desejavam exposição ao carvão térmico.

Inicialmente, a Glencore não havia oferecido uma opção em dinheiro. A oferta não solicitada envolveria a combinação e separação dos negócios de carvão térmico e siderúrgico de ambas as empresas.

Entretanto, a proposta da Glencore foi rejeitada pela Teck. A empresa declarou que as mudanças em um plano de reestruturação proposto permitiriam uma separação total antecipada de suas divisões de metais e carvão. O presidente emérito da Teck, Norman Keevil, afirmou que “agora não é hora de explorar uma transação dessa natureza”.

A empresa acrescentou que um plano de reestruturação revisado incluiria agora um caminho potencialmente mais curto para separar totalmente os negócios de cobre e zinco Teck Metals do negócio de carvão siderúrgico Elk Valley. Isso reduziria o prazo mínimo dos royalties pagos pela Teck Metals para três anos de 5,5 anos.

Ainda, foram implementadas medidas para limitar os gastos anuais de capital do negócio de carvão em US$ 1,3 bilhão.

Teck Resources rejeita oferta

A Glencore se recusou a comentar, mas anteriormente havia declarado que há falhas no plano de cisão da própria Teck. Afinal, deixaria a unidade de metais ainda exposta à receita do carvão.

Enquanto isso, a Nippon Steel, que concordou em comprar 10% da divisão de carvão da Teck, disse que espera a aprovação do atual plano de reestruturação.

Uma votação sobre o plano de Teck está marcada para 26 de abril. Se houver aprovação, a separação levará de sete a oito semanas.

Gary Nagle, presidente-executivo da Glencore, se reunirá na quinta-feira com alguns dos acionistas canadenses da Teck em Toronto para pressioná-los pessoalmente em busca de apoio. Mas vários pediram esta semana à empresa que aumente a oferta geral.

O influente consultor de procuração Institucional Shareholder Services (ISS) aconselhou os acionistas a rejeitar o plano de reestruturação da Teck devido às incertezas e questões estruturais.

- Publicidade -spot_img
NOTÍCIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

MAIS VISTOS

- Publicidade -