quinta-feira, 16 maio, 2024
EnglishPortugueseSpanish
spot_img
InícioEconomiaPreço do ouro supera US$ 2.200 pela primeira vez

Preço do ouro supera US$ 2.200 pela primeira vez

- Publicidade -

A última recuperação do ouro atingiu um marco histórico, ultrapassando pela primeira vez os US$ 2.200 a onça nesta quinta-feira. Isso ocorreu após o Federal Reserve dos EUA sinalizar sua intenção de continuar com três cortes nas taxas em 2024, apesar da inflação elevada.

Durante as primeiras horas de negociação, o ouro à vista estabeleceu um novo recorde de US$ 2.222,39, antes de recuar para US$ 2.206,10, registrando um ganho de 1,0%. Os futuros do ouro nos EUA também subiram 2,4%, para US$ 2.208,20.

A rápida ascensão do ouro surpreendeu muitos observadores do mercado, especialmente porque não houve um catalisador claro para esse movimento. No entanto, as expectativas de uma política monetária mais frouxa nos EUA, reafirmadas pelo Fed, têm impulsionado parcialmente o ouro.

O presidente do Fed, Jerome Powell, destacou na quarta-feira que as autoridades estão abertas a cortes nas taxas, apesar da inflação, o que gerou otimismo entre os traders de ouro.

A especulação sobre o momento da mudança de direção do Fed também contribuiu para os recentes ganhos no mercado de ouro. Além disso, a redução das taxas de juros nos EUA provavelmente levará a um aumento nas participações em fundos negociados em bolsa garantidos por metais preciosos, segundo o Grupo UBS.

Além disso, os riscos geopolíticos, como a guerra na Ucrânia e o conflito Israel-Hamas, aumentaram o apelo do ouro como um ativo de refúgio. As eleições presidenciais nos EUA também estão gerando incertezas nos mercados.

As compras chinesas de ouro também contribuíram para sustentar os preços, à medida que as pessoas buscam proteger sua riqueza em meio a uma crise imobiliária prolongada e perdas no mercado de ações do país.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

MAIS VISTOS

- Publicidade -