sexta-feira, 17 maio, 2024
EnglishPortugueseSpanish
spot_img
InícioEconomiaMineradora de Minas Gerais AMG tem fontes de Césio-137 furtadas

Mineradora de Minas Gerais AMG tem fontes de Césio-137 furtadas

- Publicidade -

A Polícia Civil de Minas Gerais está investigando o furto de duas fontes de Césio-137 na mineradora AMG, localizada em Nazareno, região do Campo das Vertentes. A mineradora comunicou o desaparecimento dos equipamentos à Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) no dia 29 de junho. A CNEN enviará uma equipe para inspecionar a cidade e avaliar as medidas de radioproteção da empresa.

A AMG informou que as fontes furtadas são de Césio-137 e eram utilizadas em equipamentos medidores de densidade. Essas fontes são feitas de material cerâmico, com duplo encapsulamento de aço inoxidável e blindagem externa de aço inox.

Segundo a empresa, cada fonte possui uma atividade individual de 5mCI e é classificada como de risco 5, considerado baixo. A CNEN afirma que essas fontes têm atividade 275 mil vezes menor do que aquela que causou o acidente radiológico em Goiânia.

As fontes de Césio-137 são seguras quando utilizadas corretamente em medidores de densidade de polpa. No entanto, seu uso inadequado pode representar riscos à saúde, o que motiva os esforços para recuperar os equipamentos furtados.

Em nota, a mineradora AMG expressou profundo pesar por qualquer preocupação causada às comunidades vizinhas e destacou que a segurança e o bem-estar das pessoas são prioridade. A empresa está empenhada em resolver a situação o mais rápido possível.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

MAIS VISTOS

- Publicidade -