Publicidadespot_img
InícioEconomiaMinas Gerais apresenta guia estratégico para investimentos em minerais estratégicos

Minas Gerais apresenta guia estratégico para investimentos em minerais estratégicos

O Estado de Minas Gerais, por meio da Invest Minas – órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sede-MG) -, apresentou, no dia 1º de março, um manual para atrair investimentos em minerais estratégicos. Acesse aqui para obter o manual “Minas Gerais – Brasil: um hub de materiais estratégicos para o mundo”.

O lançamento acontecerá durante a convenção anual da Associação de Prospectores e Desenvolvedores do Canadá (PDAC), o maior evento de mineração global, que ocorrerá de 3 a 6 de março em Toronto, no Canadá. O propósito é demonstrar aos possíveis investidores e líderes das principais empresas do setor em todo o mundo as oportunidades comerciais disponíveis em Minas Gerais para a extração de matérias-primas utilizadas na fabricação de produtos e equipamentos essenciais para a transição energética global.

Intitulado “Minas Gerais – Brasil – Um polo de materiais estratégicos para o mundo”, o manual, redigido em inglês, ressalta o potencial do estado na extração de lítio, silício, grafite, manganês e terras raras, essenciais na fabricação de placas para energia solar, turbinas eólicas, baterias de celulares e veículos elétricos, além de cabos, fios e outros dispositivos eletrônicos. O fosfato e o potássio, também presentes em Minas, são cruciais na produção de fertilizantes com baixa emissão de carbono. O material também fornece uma visão geral do setor de mineração e das iniciativas governamentais para a descarbonização da economia.

“Existe uma crescente demanda global por esses minerais, impulsionada pela preocupação com a descarbonização da economia global, e essa demanda deve se manter alta por muitos anos. Com nossa capacidade técnica, capital humano e apoio governamental liderado pelo governador Romeu Zema, o manual apresenta aos principais players globais do setor as vantagens de investir em Minas Gerais. Nosso estado está plenamente preparado para ser um dos líderes globais nos esforços de transformação energética”, destaca o secretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio.

O Brasil terá um espaço dedicado no evento, sob a coordenação da Agência para o Desenvolvimento e Inovação do Setor Mineral Brasileiro (Adimb). Na segunda-feira (4/3), o CEO da Invest Minas, João Paulo Braga, será um dos palestrantes no painel “Por que investir no setor minerário no Brasil?”, que será realizado no estande brasileiro.

Braga e a equipe técnica da Agência também terão encontros com representantes da Toronto Stock Exchange (TSX), a maior bolsa de valores do Canadá, além de conversas com possíveis investidores e executivos de empresas globais que já atuam em Minas e desejam expandir suas operações.

“O manual produzido pela equipe da Invest Minas sintetiza nosso potencial mineral, políticas públicas e serviços que podemos oferecer aos investidores em potencial, demonstrando o alinhamento de Minas Gerais com a tendência global de descarbonização, como evidenciado pela nossa matriz energética com 99% de origem renovável e liderança em florestas plantadas e uso de carvão vegetal. Essas são informações cruciais para quem busca tornar suas operações mais sustentáveis. E quem se beneficia disso são os mineiros, com a criação de mais empregos e geração de riqueza para famílias e municípios”, ressalta João Paulo Braga.

Sobre a PDAC

Realizada há 92 anos, a Convenção de 2024 da Prospectors & Developers Association of Canada (PDAC) é a principal plataforma global de exploração mineral e mineração. Mais de 1.100 expositores de todo o mundo se reunirão em Toronto, considerada a capital mundial de investimentos em mineração. O Canadá também abriga mais da metade das sedes globais de empresas de mineração e exploração.

- Publicidade -
NOTÍCIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

MAIS VISTOS

- Publicidade -