domingo, 25 fevereiro, 2024
EnglishPortugueseSpanish
spot_img
InícioFiscalização/SegurançaGarimpeiros usam Starlink na mineração ilegal na Amazônia

Garimpeiros usam Starlink na mineração ilegal na Amazônia

- Publicidade -Google search engine

A Associated Press revelou que mineradores ilegais de ouro na Amazônia brasileira, os garimpeiros, estão usando a tecnologia de internet de alta velocidade Starlink, de Elon Musk, como uma nova ferramenta para suas operações ilegais. Lançado em 2019 como uma divisão da SpaceX, o Starlink é um sistema de internet banda larga de baixa latência composto por quase 3.600 satélites de órbita baixa. O objetivo é conectar as áreas carentes do planeta com o resto do mundo.

No Brasil, essa tecnologia cheou em janeiro passado como parte de um projeto do governo para atender escolas da zona rural e monitorar a floresta amazônica. No entanto, o uso do Starlink cresceu em uma região onde estão grupos de mineração ilegais.

Os mineradores ilegais há muito contam com a internet como meio de comunicação. Mas a logística da configuração e a sorte necessária para que funcione sem ser pego pela polícia teria sido uma aposta. Portanto, o Starlink de Musk pode ter sido visto como uma aposta mais segura.

Em uma operação federal em um local de mineração ilegal na terça-feira, agentes do grupo de inspeção especial da agência ambiental brasileira e do grupo de resposta rápida da polícia rodoviária federal encontraram um terminal Starlink funcionando próximo a um poço. Além do terminal Starlink, os agentes apreenderam algum mercúrio, menos de uma onça de ouro, camping e unidades de armazenamento, entre outros equipamentos de mineração e transporte.

Garimpo usa Starlink para se comunicar na Amazônia

A conectividade da Starlink é extremamente rápida e melhora a capacidade de gerenciar uma mina ilegal. De acordo com Hugo Loss, coordenador de operações do IBAMA, é possível gerenciar centenas de locais de mineração sem nunca pisar em um.

Desde que assumiu o cargo no início deste ano, o presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, prometeu reprimir a mineração ilegal no país, em particular a terra Yanomami. Nos últimos anos, estima-se que cerca de 20.000 garimpeiros tenham contaminado os cursos de água vitais da região com mercúrio que usam para separar o ouro.

Nas últimas cinco semanas, a agência ambiental do país apreendeu sete terminais Starlink em terras Yanomami. Isso inclui os dois que a PF apreendeu na ação. O IBAMA disse que, junto com outros órgãos federais, está estudando como bloquear o sinal da Starlink em áreas de mineração ilegal.

- Publicidade -spot_img
NOTÍCIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

MAIS VISTOS

- Publicidade -