quarta-feira, 24 abril, 2024
EnglishPortugueseSpanish
spot_img
InícioTecnologiaInovaçãoSGB lança plataforma para mapeamento geológico

SGB lança plataforma para mapeamento geológico

- Publicidade -

O Serviço Geológico do Brasil (SGB) lançou nesta semana uma nova Plataforma de Mapeamento Geológico que busca revolucionar o acesso aos dados de mapeamento geológico gerados no país, contribuindo para o avanço do setor mineral.

De acordo com o anúncio, o sistema recém-criado proporciona uma maior transparência nas atividades em andamento, enquanto apresenta uma visão dos projetos de mapeamento geológico a serem realizados nos próximos 10 anos, alinhados às diretrizes do governo federal para uma gestão mais eficaz e responsável.

“Esta ferramenta representa um marco em nossa trajetória”, destacou Valdir Silveira, diretor de Geologia e Recursos Minerais do SGB, durante sua participação no Brazilian Mining Day, evento realizado em paralelo ao PDAC 2024, em Toronto, Canadá. Silveira enfatizou que “a plataforma centraliza todos os produtos voltados para o setor mineral, elaborados pelo SGB e outras instituições ao longo de cinco décadas”.

A plataforma oferece um acesso simplificado e intuitivo aos dados, garantindo transparência ao trabalho do SGB, em consonância com as práticas de governança ambiental, social e corporativa. “A comunidade acadêmica, investidores, empresas do setor mineral e o setor público em geral poderão obter informações sobre os mapeamentos geológicos realizados no país de forma rápida e fácil, além de acompanhar os planos de trabalho anuais e decenais”, acrescentou.

Essas informações são cruciais para atrair investimentos e impulsionar o desenvolvimento do setor mineral brasileiro, pois auxiliam na identificação de novos depósitos minerais e na redução dos riscos associados à exploração, proporcionando maior segurança aos investidores.

O planejamento anual de mapeamento geológico do SGB para 2024 prevê estudos em várias regiões do país em diferentes escalas de trabalho, com um orçamento previsto de R$ 5,7 milhões. A plataforma possibilita o acompanhamento dos projetos em andamento, em fase de conclusão e os que serão iniciados no próximo ano.

Além disso, a plataforma também apresenta informações sobre o Plano Decenal de Mapeamento Geológico, demonstrando o compromisso do governo federal em fortalecer essas atividades para o desenvolvimento sustentável do país. Este plano inclui três cenários, considerando a capacidade operacional do SGB e o orçamento disponível, visando tornar públicas as propostas para ampliação do mapeamento geológico e estimular o diálogo com os interessados.

Os dados históricos sobre os projetos de mapeamento geológico realizados pelo SGB e outras instituições estão disponíveis na plataforma, organizados de acordo com o ciclo de execução do projeto. A cobertura atual do mapeamento geológico do país é de 27% na escala de 1:100.000 e 49% na escala de 1:250.000, com uma maior probabilidade de encontrar depósitos minerais em áreas com embasamento cristalino. Ao todo, mais de 1,1 mil mapas geológicos foram elaborados nas escalas de referência mencionadas.

Acesse a plataforma: https://www.sgb.gov.br/mapeamento_geologico/

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

MAIS VISTOS

- Publicidade -