domingo, 25 fevereiro, 2024
EnglishPortugueseSpanish
spot_img
InícioEconomiaNegóciosSerabi Gold anuncia aliança de exploração com Vale com foco no Pará

Serabi Gold anuncia aliança de exploração com Vale com foco no Pará

- Publicidade -Google search engine

A Serabi Gold plc, uma empresa brasileira de mineração e desenvolvimento de ouro, anunciou a assinatura de uma aliança estratégica de exploração com a Vale S.A., por meio de sua subsidiária Salobo Metais S.A. O foco da parceria será o projeto Matilda e em outros grandes alvos regionais na região de Tapajós, no Pará, Brasil.

O acordo terá foco na descoberta de projetos de cobre em larga escala dentro da área de propriedade do Complexo Palito da Serabi. A Vale financiará um programa de exploração de até US$ 5,0 milhões.

Na fase 2, a Vale poderá optar por continuar as atividades de exploração e financiar exclusivamente um ou mais projetos de cobre selecionados para a fase de Estudo de Pré-viabilidade (PFS).

Na terceira fase, a Vale terá a opção de adquirir 75% das ações de uma entidade jurídica a ser incorporada pela Serabi (JV Company). Imediatamente após a constituição da JV Company, a Serabi deverá transferir o projeto de cobre para a JV Company.

Parceria entre Serabi e Vale

De acordo com o anúncio da parceria, a Serabi venderá 75% da JV Company para a Vale por US$ 5 milhões. A Vale continuará a financiar exclusivamente a JV através de contribuições de capital para concluir um Estudo de Viabilidade Definitiva (DFS). Enquanto isso, a Serabi mantém uma participação de 25%.

Na última etapa do acordo, a Vale poderá adquirir uma participação adicional de 15% na JV Company ou um pagamento adicional de US$ 5 milhões ou 1,5% do valor presente líquido do projeto, elevando sua participação para 90%.

A Serabi então tem uma opção de venda para vender sua participação remanescente de 10% na JV Company por um adicional de US$ 10 milhões e 1,5% de Royalty Líquido de Fundição (NSR).

Por fim, a JV Company poderá adquirir projetos adicionais de cobre da Serabi, caso em que a Serabi terá direito a pagamentos adicionais de US$ 5 milhões ou 1,5% do valor presente líquido do projeto para cada um, quando um DFS for concluído.

“A descoberta do prospecto de pórfiro Matilda em 2022 foi um marco importante para a Serabi”, disse Michael Hodgson, CEO da Serabi. “No entanto, trazer um parceiro com a experiência e os recursos da Vale nos permitirá avaliar adequadamente Matilda e os outros alvos significativos dentro de nossa área de concessão e avançá-los mais rapidamente. A Aliança de Exploração está focada em projetos de cobre em larga escala e permite que a Serabi mantenha seu foco em seus alvos de exploração de ouro. A Vale representa um excelente parceiro para a Serabi e estamos muito satisfeitos em trabalhar com eles para começar a explorar o potencial da região de Tapajós.”

Fonte: Brasil Mineral

- Publicidade -spot_img
NOTÍCIAS RELACIONADAS

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

- Publicidade -spot_img

MAIS VISTOS

- Publicidade -